Ads 468x60px

Dono da boate Kiss é preso em Santa Maria

Um dos donos da boate Kiss, em Santa Maria foi preso na manhã desta segunda-feira após o incêndio que deixou 231 mortos. Outras 121 pessoas continuam hospitalizadas.
O vocalista e um dos seguranças da banda que tocava na boate no momento do incêndio também foram detidos.
De acordo com a polícia local, a prisão provisória dos três homens foi decretada por pelo menos cinco dias.
O incêndio ocorreu após uma exibição com fogos de artifício durante um show na casa noturna durante uma festa de universitários.



Incêndio em boate em Santa Maria deixa mortos e feridos
Incêndio em boate em Santa Maria deixa mortos e feridos Foto: Zero Hora / Germano Roratto/Especial
 
Fonte:http://www.bbc.co.uk/portuguese/
 
Incêndio em boate deixa mortos e feridos em Santa Maria, no RS

Flávio Ilha - Especial para O Globo

SANTA MARIA — Um incêndio na boate Kiss, no Centro de Santa Maria, no Rio Grande do Sul, deixou mortos e feridos na madrugada deste domingo. Segundo o Corpo de Bombeiros, ao menos 180 corpos foram retirados da boate e outras seis pessoas morreram nos hospitais. No momento da tragédia, havia entre 300 e 400 pessoas no local, participando de uma festa universitária.
Related content
Dois caminhões levaram os corpos até o ginásio esportivo da cidade, que foi isolado pela Brigada Militar para evitar a invasão de parentes e amigos. O fogo foi controlado por volta das 5h30m, mas às 7h ainda havia equipes no local, fazendo o trabalho de rescaldo.
A polícia e o Corpo de Bombeiros apuram as circunstâncias que provocaram fogo. Segundo as primeiras informações divulgadas pelo site G1, as chamas teriam começado por volta das 2h30m quando o vocalista da banda que se apresentava fez uma espécie de show pirotécnico. As faíscas atingiram a espuma do isolamento acústico e as chamas se espalharam. O secretário de Segurança do estado, Airton Michels, não confirmou a informação de que um show pirotécnico teria desencadeado o incêndio.
O prédio ficou destruído, mas não existe mais risco de desabamento. O incêndio provocou pânico e muitas pessoas não conseguiram acessar a saída de emergência.
- Era uma porta pequena para muita gente sair - disse Luana Santos Silva, que estava na boate, à GloboNews.
- Chegou (socorro e polícia) tudo muito rápido - disse Aline Santos Silva, irmã de Luana.
Profissionais de saúde pedem à população que doe sangue nos hospitais. A cidade também precisa de voluntários como médicos e enfermeiros para atender os feridos. Calcula-se que seriam 200 feridos, muitos em estado grave. Seis hospitais estão fazendo o atendimento às vítimas. Parentes e amigos percorrem os hospitais em busca de notícias das vítimas.
O “Diário de Santa Maria” informa que, no ginásio do Centro Desportivo Municipal (CDM), há um Comitê Gestor da Crise que tem dado apoio aos familiares. Centenas de amigos, pais e familiares estão no local em busca de informações. O procedimento, segundo o Instituto Geral de Perícias (IGP), é que as famílias se dirijam até o CDM, pela entrada lateral da Rua Tuiti, e lá procurem a polícia e se identifiquem. A Polícia Civil tem cadastrado os familiares e a previsão é que em uma hora, o IGP libere a entrada dos familiares no CDM. No entanto, ainda não há previsão de o horário da divulgação da relação dos nomes dos mortos.
Tragédia em boate é a maior da história do RS
Segundo o jornal “O Diário de Santa Maria”, o local possuiria apenas uma porta de saída e houve tumulto na tentativa de fuga. Bombeiros e populares abriram um buraco na parede externa para possibilitar que mais pessoas consigam sair. O jornal relata ainda que, na tentativa de identificar os nomes, o Instituto Geral de Perícias (IGP) tem colocado documentos de identificação — como identidade, carteira nacional de habilitação, entre outros — e celulares nos peitos destas vítimas. De acordo com relatos de servidores do IGP, muitos telefones dos mortos no ginásio tocam sem parar. O jornal “Zero Hora” informa que esta já é a maior tragédia do Rio Grande do Sul.
Santa Maria é uma cidade universitária porque concentra muitas pessoas da região e até de outros estados que vão estudar. A Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) ainda estava em aulas, devido à greve de 2012. Então, é provável que muitos estudantes estivessem na boate, que começou a queimar por volta das 2h, segundo a Brigada Militar.
À rádio CBN, o comandante do Corpo de Bombeiros de Santa Maria, Moisés da Silva Fux, informou que o estabelecimento estava com o alvará vencido.
No Twitter, o governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, lamentou a tragédia.
“Domingo triste! Estamos tomando as medidas cabíveis e possíveis. Estarei em Santa Maria no final da manhã”.
Segundo a rádio CBN, a presidente Dilma Rousseff, que está em viagem oficial ao Chile, já foi informada da tragédia. Ela cancelou o restante da agenda no país e segue para o Rio Grande do Sul. A FGF (Federação Gaúcha de Futebol) cancelou a rodada de hoje do Gauchão devido ao incêncio na boate Kiss.

Leia mais: http://extra.globo.com/noticias/brasil/incendio-em-boate-deixa-mortos-feridos-em-santa-maria-no-rs-7407497.html#ixzz2JFdlnXM9

0 comentários:

Postar um comentário